Trabalhar autonomamente é maravilhoso.

Há liberdade de tempo, de local e até financeira.

Posso priorizar trabalhos e clientes que batem mais com o meu jeito profissional e de ser ao mesmo tempo que posso dizer não com gratidão àqueles que não possuem objetivos que desejo contribuir.

Não há chefe para me cobrar e colegas de trabalho para depender.

Isso tudo é bom. Mas também é ruim.

Afinal, tem dia que acordamos desmotivados, cansados e com mil séries, jogos e vídeos disponíveis no mesmo ambiente que os projetos dos clientes. Se não nós mesmos, quem vai nos cobrar para tomar a “decisão certa” de fazer as obrigações antes das diversões?

E na hora de querer compartilhar uma dúvida, co-criar um projeto ou simplesmente bater um papo tomando um café. O que fazer?

Se estou trabalhando em casa, só há eu mesmo. Se estou num coworking, não conheço as pessoas ao redor.

Entendo que para muitos essa situação pode ser compreendida como quase um sacrifício, mas ao mesmo tempo eu não sei se é bem por aí.

Ter uma rotina solitária é também uma opção. É uma decisão que podemos tomar quando possuímos a liberdade profissional.

Se estou em casa sozinho, tenho a opção de convidar pessoas para trabalhar comigo, tenho a opção de abrir o Focusmate e conhecer alguém e também tenho a opção de ir para um escritório com amigos. Se não conheço ninguém, podemos fazer aulas de línguas, de Yoga ou mesmo conhecer pessoas em Meetups.

Já para a cobrança, também podemos dar um jeito com nós mesmos. Com o tempo aprendemos a saber lidar com nossa própria motivação e com nossos sentimentos. Com a procrastinação e com as vontades de desistir.

Aprendemos a estarmos bem com a gente mesmo.

E é por isso que muitas vezes hoje gosto e prefiro seguir sozinho nessa maratona que é o trabalho freelancer, autônomo ou como empreendedor.

Cada dia é algo novo e gosto de compartilhar com as pessoas queridas os desafios e conquistas. Ao mesmo tempo, gosto muito de seguir com minhas próprias ideias, manias e projetos sem que tenha que ser julgado por outros.

Divirta-se!